Imagem capa - Ana & Rui's Wedding at Palácio da Igreja Velha por Feel Creations - Wedding Photo & Film
Wedding

Ana & Rui's Wedding at Palácio da Igreja Velha


[EN] We've finished 2017 in the best possible way. We've got a bunch of great news. We welcomed a new member to the team, expanded our studio - making it more spacious and modular and reinforced our online presence in such renowned platforms as Simplesmente Branco, Zankyou or - and the most amazing of all, Junebug Weddings! We started the wedding season of 2018 by photographing Ana and Rui, who had been dating for the past two years, thanks to a mutual friend who introduced them. Gentle and respectful, they both shared a deep complicity, sometimes invisible to the others. We believe that this was fundamental to kept the rain away. The groom prepared himself at his parents house, surrounded by snow and wet ground, a common landscape for those who live in the slopes of Serra do Marão. His grandmother was also present: a very friendly and genuine person who seems fool her age although her cane. As transmontanos, they knew how to welcome people, so we felt part of their family instantly. They were very kind. Arriving at Ana’s house, her dog Yuki greeted us with a suspicious barking and chased us up to the bride’s room. Her house smelt of sea, decorated with small boats, wheels and other maritime motifs. It is an inheritance from the father, who works in the shipyards, but also from the daughter. Then we went to the church of Convento de Santa Clara. The wind was blowing furiously among the arches of an old cloister. This church is an impressive landmark in Vila do Conde's landscape, so the ceremony had to convey the same grandiosity: military, traditional and very elegant. The bride was escorted and guarded by soldiers at the altar. Their exit was also very ritualistic. They made a tunnel crossing the swords above their heads and let the couple pass under it. The guests started to throw yellow colored rice as a sign of prosperity.

-x-

[PT] Encerramos 2017 da melhor maneira. E com ele, uma série de boas novidades para toda a equipa. Demos as boas-vindas a um novo membro, expandimos a área útil do nosso estúdio - tornando-o mais espaçoso e modular e reforçamos a nossa presença online para plataformas tão renomadas como o Simplesmente Branco, Zankyou ou ainda - e a mais surpreendente de todas, a Junebug Weddings! Abrimos a temporada de 2018 com o casamento da Ana e do Rui, que se conheceram há cerca de dois anos por intermédio de um amigo em comum. De trato gentil e respeitador, ambos partilhavam de uma cumplicidade profunda, que aos olhos dos demais, poderia não aparentar. Acreditamos que isso ajudou a afastar a chuva que insistia em marcar o dia. O noivo fez a preparação junto dos pais, entre a possibilidade de neve e a terra húmida, nas encostas da Serra do Marão. Também lá estava a avó, sempre muito jovial e espirituosa, que engana a idade apesar da bengala. Como transmontanos que são, souberam receber-nos como se fôssemos parte da família, mantendo uma relação de proximidade e boa convivência connosco. Em casa da Ana, fomos recebidos pelo latido desconfiado do Yuki, que nos perseguiu até ao quarto da noiva. A casa cheirava a mar, decorada por pequenos barcos, lemes e outros motivos marítimos. É a herança do pai, que trabalha nos estaleiros navais, mas também da filha. Seguimos para a Igreja do Convento de Santa Clara, onde o vento soprava furioso entre os arcos de um antigo claustro. A igreja marca a paisagem da cidade de Vila do Conde. Tal imponência mereceu uma cerimónia à medida: de estilo militar, tradicional e elegante, com a noiva a ser escoltada até à entrada e guardada por militares no altar. A saída foi igualmente ritualística, com os noivos a atravessar um túnel de espadas cruzadas. Os convidados, não contendo a emoção, saudaram os noivos com uma chuva de arroz amarelo, em sinal de prosperidade.